MOVIMENTO SUPERNOVA E DEPUTADA ERIKA KOKAY cobram revitalização do Parque do Bosque de São Sebastião-DF

Por Isaac Mendes

Essa semana nós, do Movimento Cultural SuperNova, estivemos reunidos com a presidente do IBRAM (Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do DF), Jane Maria Vilas Boas. Estiveram presentes o chefe de gabinete de São Sebastião Keves Diogo, a deputada Federal Erika Kokay e representantes do Parque do Itapoã.

A presidente Jane nos fez um breve relato sobre a situação dos parques do DF. São 73 parques sendo que apenas 18 estão revitalizados e estruturados para receber a população. O Parque de São Sebastião foi revitalizado em 2009, mas hoje encontra-se depedrado e com condições de segurança em completa vulnerabilidade.

O que propomos no encontro foi que encontremos uma forma de trazer condições necessárias para que nós comunidade continuemos a fazer nossa parte que é a ocupação e que fique bem estabelecido o papel de cada órgão (adm., secretaria, Instituto, ONGs, Associações, conselhos etc.)

Conhecemos também um pouco da realidade do Parque do Itapoã, que vem sendo invadido e ameaçado pelo crescimento urbano dentro de uma área que deveria estar protegida (9 barracos por dia dentro da área do parque). É necessário que seja feito estudo da poligonal. O superintendente de áreas protegidas Leonel Pereira ficará a encargo de fazer esse estudo e visitar o parque de São Sebastião e do Itapoã para estabelecermos as ações imediatas.

Todavia nos foi colocado que o IBRAM prevê recursos apenas para obras e instalações, não para custeio e manutenção. A Dep. Erika pretende investir duas emendas parlamentares para o custeio com manutenção e ocupação nos parques de Sao Sebastião e Itapoã.

Estao em andamento forças tarefa pra comandar os parques: os Conselhos dos Parques serão reestabelecidos, haverá fiscalização integrada e serão firmadas parcerias com a sociedade civil. Também será marcado o encontro do meio ambiente entre a Secretaria do Meio Ambiente, IBRAM e as Administrações Regionais.

A deputada Erika Kokay, assim como o representante da Administração e do Movimento Supernova, solicitaram que o IBRAM realize uma força-tarefa no parque do Bosque ainda neste mês para identificar in loco os problemas mais pontuais como a necessidade de poda, roçagem, iluminação, identificação visual (placas), policiamento, entre outros. O objetivo é definir o papel dos diversos órgãos na tarefa mais que urgente de preservar uma área de relevante valor ambiental e social para os moradores, que hoje está abandonado pelo Poder Público.

paulo Dagomeh

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram